Quem nos ajuda a tornar tudo isso possível

Petrúcio Amorim foi o grande homenageado do Arraiá Solidário do GAC-PE


Petrúcio Amorim foi o grande homenageado do Arraiá Solidário do GAC-PE

15/07/2016

Relembrar o arrasta-pé junino e aproveitar para exercer a solidariedade. Esses foram os motes do Arraiá Solidário 2016, que foi realizado pelo Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer – Pernambuco (GAC-PE), no dia 15 de julho, na Usina Dois Irmãos.

A festa homenageou os 30 anos de carreira de Petrúcio Amorim e contou com grandes nomes do forró de Pernambuco. Além do homenageado, subiram ao palco Geraldinho Lins, Alcymar Monteiro, Nádia Maia, Irah Caldeira, Rodrigo Raposo, Dudu do Acordeon e Forró Balaio de Cheiro. “A ideia é esticar o São João por uma boa causa e ajudar o GAC-PE a arrecadar os recursos necessários para continuar desenvolvendo suas atividades”, explica a Dra. Vera Morais, presidente da instituição.

Este ano, o Arraiá Solidário do GAC-PE teve, na abertura, a apresentação da Quadrilha Junina Tradição, vencedora da etapa pernambucana do Festival de Quadrilhas Juninas da Rede Globo Nordeste. Já a decoração foi assinada por Romildo Alves.

A festa contou com o patrocínio do Café Santa Clara, Asa de Prata Transportadora, Tambaú Alimentos. Além de curtir o melhor do forró, os presentes puderam apreciar guloseimas típicas do período junino, acepipes trazidos pelos Foods Trucks Arte do Milho, Empabike, Churrascada, Mafalda na Estrada, uma bike de Pastel Lolita (Vónita). O objetivo do GAC-PE com o evento e esta ação é atingir a meta de R$ 20.000,00 que representa 10% das despesas da instituição na humanização do tratamento das crianças, adolescentes e jovens com câncer. Os ingressos custam R$ 40,00 (meia-entrada para todo) e estão à venda na sede do GAC-PE, no Hospital Universitário Oswaldo Cruz, no site www.gac.org.br e pelo www.eventick.com.br

O evento teve como foco a arrecadação de recursos para manutenção das atividades GAC-PE, tendo em vista que os valores mobilizados sofreram queda no ano passado devido ao cenário econômico nacional, enquanto as despesas da instituição aumentaram no mesmo período.

Homenageado – Petrúcio Amorim nasceu em Caruaru-PE e, desde criança, já sonhava tocar suas músicas nas emissoras locais. Ainda jovem começou a participar de festivais estudantis e conquistar prêmios com seu talento. Em 1979, participou do 2º Encontro Latino Americano de Folclore, em Caruaru, do qual se tornou campeão, recebendo a premiação do ídolo Luiz Gonzaga. O primeiro disco, Doce Pecado, foi gravado em 1984. Ao longo de sua carreira, Petrúcio compôs grandes sucessos, como Confidência, Devagar, Lembranças, Anjo querubim, Nem olhou pra mim, Cidade grande, Tareco e mariola, Filho do dono e Meu cenário, entre outros.

Notícias Anteriores